Redes Sociais

RN 360º

Morre segunda vítima de ataque a empresa de vigilância em Caraúbas

Policial

Morre segunda vítima de ataque a empresa de vigilância em Caraúbas

Morreu na manhã desta quarta-feira (29) o adolescente de 16 anos baleado na cabeça durante ataque a empresa de vigilância Puma, ocorrido na última segunda-feira (27) no município de Caraúbas, região Oeste do estado.

O jovem Mateus Rodrigues dos Santos trabalhava para o empresário Francisco Trajano de Souza, 45 anos, proprietário da Vigilância Puma e que morreu no atentado. Atingido na cabeça, Mateus estava internado na UTI do Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM). Mais três pessoas ficaram feridas durante o ataque.

As outras três vítimas são vigilante João Ferreira da Silva, o músico Assis Biênio, de 50 anos, atingido de raspão no braço; e a filha dele. Fernanda Maria Maia, de 25 anos, atingida no pé. Eles estavam sentados na calçada na casa do lado na hora do ataque e foram atingidos por estilhaços de tiros de doze.

Conforme relatou as testemunhas, os atiradores chegaram ao local num veículo, que deixaram na esquina e foram logo abrindo fogo, sem distinguir quem estava pela frente. Pela intensidade e a quantidade de tiros que sofreu, possivelmente o alvo dos atiradores era Francisco Trajano que morreu no local.

O caso está sendo investigado em inquérito policial conduzido pelo delegado Erick Gomes. O delegado tem prazo previsto por Lei para concluir as investigações e apresentar indiciados a Justiça em 30 dias, podendo este prazo ser prorrogado por mais 30 dias.

Mossoró Hoje

Comentários

comentário(s)

RN 360º - Seu portal de notícias.

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Mais em Policial

Subir