Redes Sociais

Alexandre ‘Porco’ pega 12 anos de prisão por homicídio em 2014

Região Oeste

Alexandre ‘Porco’ pega 12 anos de prisão por homicídio em 2014

O servente Alexandre da Silva, o “Porco”, de 22 anos, foi condenado a 12 anos de prisão pelo Tribunal do Júri Popular por ter matado Francisco de Assis da Conceição, o “Bubu”, (na época com 22 anos), na Favela do Fio, zona oeste de Mossoró.

O crime foi às 17h do dia 28 de junho de 2014. A vítima, que foi surpreendida pelo assassino quando jogava bola em frente à residência da mãe, deixou mulher e filho recém-nascido. O julgamento começou às 10h e terminou às 11h25.

O juiz Vagnos Kelly Figueiredo de Medeiros presidiu os trabalhos. O promotor Armando Lúcio Ribeiro funcionou na acusação e o advogado Anchieta Costa Lima fez a defesa do réu.

Em seu depoimento aos jurados, Alexandre da Silva negou o crime.

Na acusação, o promotor pediu a condenação do réu por homicídio qualificado. Já o advogado de defesa pediu a absolvição do réu alegando negativa de autoria.

O Conselho de Sentença decidiu seguir a versão do promotor de Justiça, condenando o réu por homicídio qualificado, sendo sentenciado a 12 anos de prisão.

Alexandre da Silva volta ao banco dos réus no próximo dia 28 para ser julgado por mais dois homicídios: no caso as vítimas foram Antônio Francisco Targino de Oliveira, o “Toinho da Bolsa”, e a menina Sâmara Vicente Portes, de 8 anos.

Este duplo homicídio ocorreu no dia 22 de novembro de 2014 no Conjunto Promorar, zona oeste de Mossoró.

Mossoró Hoje

Comentários

comentário(s)

RN 360º - Seu portal de notícias.

1 Comentário

1 Comentário

  1. Francisca targino

    07/07/2016 at 14:13

    Esse sábado foi quem matou bubu.não foi tô indo não todo mundo viu que foi ele mesmo

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais em Região Oeste

Subir