Redes Sociais

REDE NEWS 360

Combate a violência exige atitude

Circulando em OFF

Combate a violência exige atitude

A violência urbana está longe de ser um “privilégio” de Mossoró. No entanto, também ficou para trás, e muito longe, o tempo em que fomos uma cidade considerada pacata. Os ditos ares de progresso também trouxeram espaço para que a violência fosse instalada, enquanto os aliados de combate se encontram inertes diante de tamanha escalada marginal.

Apesar da maior necessidade de políticas públicas para atenuar nas bases, o aumento da insegurança que se espalha na sociedade exige o melhor aparelhamento da polícia e o aumento do contingente, com o consequente policiamento ostensivo.

As forças da segurança sabem disso, assim como Governo e Prefeitura. Porém, continua faltando ação emergencial que neutralize a burocracia e permita ao governo fazer aquisições de mais equipamentos e contratar agentes de segurança independentemente de atender os ditames da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Já não é possível desenvolver estratégias de segurança com inteligência, astúcia e coragem, mas sem pessoal e equipamentos. Para lutar contra o crime que a cada dia se organiza mais ainda, é necessário um enfrentamento a altura.

Está claro que nesse jogo desleal, onde o bandido se arma e o cidadão sempre é pego sem proteção, estamos perdendo feio. Isso sem contar que os bandos estão muito melhor amados do que a própria polícia.

O noticiário todos os dias mostra a ação desenvolvida pelos policiais abnegados. Mas estes estão sempre em desvantagem em termos de pessoal e armamentos, só lhes restando a coragem a o compromisso de honrar a profissão. Por sinal, apesar de admirável, são qualidades que se perdem quando a razão maior é a própria sobrevivência.

O problema é que já não temos como negar que estamos sofrendo uma guerra. E é bom que se perceba isso.

CHACINA

Lamentável a chacina do Baile Funk. Mais uma vez levou a nossa Mossoró negativamente ao noticiário nacional e “incrementou” o medo de viver na cidade. É osso.

BLOQUEIO

A Presidência do Tribunal de Justiça determinou o bloqueio e sequestro de valores nas contas de cinco municípios do Rio Grande do Norte, que não cumpriram suas obrigações com o pagamento de precatórios. Por aqui, os municípios der Patu e de Grossos.

AÇÕES CONTRA A DENGUE

A Vigilância à Saúde intensifica ações de mobilização contra a Dengue  nos bairros do Alto de São Manoel e Walfredo Gurgel. Mas não custa nada a população continuar a fazer sua parte, tomando aquelas providências que todo mundo já sabe, que é o de evitar água parada. Afinal, essa é outra guerra também nossa.

PORTAL

A Câmara Municipal confirma que já está em atividade o seu novo portal. A página atende a padrões internacionais de navegabilidade e usabilidade, facilitando o acesso dos internautas às informações. Para acessar, o usuário deve digitar www.mossoro.rn.leg.br.  A função do site é divulgar as notícias a respeito das ações dos vereadores, além de outras informações sobre o legislativo, que devem estar disponíveis para consulta da população.

PESAR

Registro com pesar a morte do colunista social e promoter Joãozinho Escóssia. Ele faleceu nesta segunda-feira, no Hospital Regional Tarcísio Maia, em tratamento após ter passado por uma cirurgia de redução de estômago e teve complicações nos rins.  Aos seus familiares, nossas condolências.

NOVOS PROGRAMAS

A TV Metropolitano se prepara para estrear mais dois programas em Mossoró. Um sob o comando de José Antônio(Difusora) e outro com o comunicador Gilson Cardoso(FM105).  Em breve.

CAIXA DOIS

“Sempre existiu caixa dois”, diz Emídio Odebrecht, o dono da empreiteira que leva o seu nome. Quer dizer, descobriu o Brasil.

PARA RFEFLETIR

“Pensamos demasiadamente e sentimos muito pouco. Necessitamos mais de humildade que de máquinas. Mais de bondade e ternura que de inteligência. Sem isso, a vida se tornará violenta e tudo se perderá”, já dizia Charles Chaplin.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA

A reforma da previdência será um divisor de águas em relação ao Congresso. A saber quem está amarrado com Temer, quem estará em cima do muro ou quem está com receio de um “fora” presidente. O que se sabe é que a reforma é impopular e um tiro no peito da sociedade. Vai quem quer, afinal, estamos chegando a mais um ano eleitoral.

EM ALTA

Vale o registro histórico e os parabéns ao mossoroense da gema, João Almino, por ter chegado a Academia Brasileira de Letras. Avante!

A QUEM INTERESSAR POSSA

“Você nunca achará o arco-íris, se você estiver olhando para baixo”.

WILMA

Informe sobre a ex-governadora e atual vereadora em Natal, Wilma de Faria. “Com descoberta há mais de um ano de neoplasia no intestino, a vereadora Wilma de Faria vem passando por tratamento e passará por uma nova etapa de avaliação em São Paulo”.  Ela terá consultas médicas e deverá passar por exames para análise do quadro de saúde. Saúde, governadora!

REBU

Essa de acabar com o foro privilegiado vai fazer muita gente tremer nas bases. Se passar, né…

RELAX – “Quero toda sua pouca castidade/Quero toda sua louca liberdade/Quero toda essa vontade/De passar dos seus limites/E ir além, e ir além…”  IVAN LINS

 

Comentários

comentário(s)

Jornalista há 30 anos, tendo atuado nos jornais A República, Diário de Natal/O POTI, O Mossoroense, Revista Spaço, Revista De Fato Nordeste e fundador dos jornais Oeste Independente, Jornal de Mossoró, Jornal Metropolitano, em parceria com Roberto Costa Lima, jornal Página Certa, entre outras publicações; Foi Diretor de Redação do Jornal Gazeta do Oeste por mais de uma década. Escreveu os livros “Adffurn e seu tempo – vitórias e conquistas”, em parceria com o professor Lúcio Ney, e “Contos do Cotidiano”. No rádio, colaborou com as rádios Libertadora e Difusora. Atualmente é Diretor de Redação do Jornal News 360 e Apresentador do programa Jornal da Câmara, na TV Câmara/Mossoró.

Mais em Circulando em OFF

Subir