Redes Sociais

REDE NEWS 360

Eleição atípica e Copa do Mundo

Circulando em Off

Eleição atípica e Copa do Mundo

Já não é mais novidade para ninguém, nem para os atores, nem tão pouco para a plateia, que a eleição geral que se aproxima será protagonizada por lances nunca vistos antes. Não precisa ser profeta para prever a derrubada de muitos caciques por esse Brasil afora.

Que a corrupção sempre fez parte do jogo desde a época de Dom Pedro, todo mundo sabia, só não imaginava o nível dessa epidemia nacional. E ainda por cima, no bojo da questão, o mal causado à própria população que, de certo modo, é praticamente forçada a ser inserida no lastro da  “mea-culpa”.

Pois bem, no País do futebol e do carnaval, este ano mais do que nunca, é torcer para que o entusiasmo com a Seleção Brasileira na Copa do Mundo, não termine ofuscando uma batalha muito maior.

É que, por incrível que pareça, o comportamento da nossa Seleção na competição mundial poderá ter sim reflexo no jogo político. A partir do resultado do Brasil na Copa do Mundo, o eleitor pode ou não chutar o pau da barraca. O entusiasmo com o futebol ameniza ou não a ira nacional dentro do panorama político.

É preciso, no entanto, que independentemente da Copa do Mundo, o eleitor não perca o foco em fazer a sua parte na busca da resolução dos problemas que o afligem. No mais, é observar todos os lances.

QUANTO PIOR MELHOR

Ainda sobre a polêmica depois que a liberação dos recursos do Governo Federal que o governador Robinson Faria anunciara que colocaria o pagamento dos servidores em dia. É fácil perceber.  Quais os parlamentares estariam mais interessados no desgaste de Robinson e  alinhados, principalmente com a intenção do prefeito de Natal, Carlos Eduardo em disputar o governo? Ignorando a necessidade do servidor, na política do Rio Grande do Norte, adversários são implacáveis quando o assunto é o desgaste de quem está no comando. Quanto pior melhor.

MIRA

A propósito, com tantos lances escabrosos na política nacional, o eleitor não tem como ter muita gente na mira, para derrubar. O pleito deste ano será atípico. Tenho dito.

SEGURANÇA

A sensação de segurança estabelecida com a presença do Exercito a da Força Nacional nas ruas é notável. Parece que de uma hora para outra a bandidagem se converteu pelas igrejas da vida. Um xuá de bom.

ARTICULAÇÃO

O vice-governador Fábio Dantas(PC do B), tem se revelado um excelente articulador político. E nesse ínterim tem conversado muito com todas as tendências. Anote aí.

CHEGANDO

Quem reuniu coragem e determinação para topar disputar  uma vaga na Câmara dos Deputados foi o ex-prefeito de Almino Afonso, Lawrence Amorim. Surge como um nome que reúne condições de representar as regiões do Médio e Alto Oeste. A propósito, essas regiões nunca tiveram representantes na Câmara Federal.

A QUEM INTERESSAR POSSA

“O passarinho não canta porque está alegre, ele está alegre porque canta”. Comece a fazer que o poder lhe será dado.

BOLA FORA

Essa do desembargador Claudio Santos de determinar a prisão dos policiais que não estão trabalhando por falta de condições é mais uma bola fora. A ideia de privatizar a UERN já não bastou. É osso.

NOME NO CENÁRIO

E mesmo nesse cenário, seu nome não está fora do páreo sucessório estadual. Nos bastidores, tenta se viabilizar como opção ao governo. Lógico que tem seus méritos, mesmo com as bobeiras.

GASOLINA

Veja meu bem: gasolina vai subir de preço. De novo. É osso.

RELAX – “E é tão bonito quando a gente entende/Que a gente é tanta gente onde quer que a gente vá/E é tão bonito quando a gente sente/Que nunca está sozinho por mais que pense estar…”  GONZAGUINHA

Comentários

comentário(s)

Jornalista há 30 anos, tendo atuado nos jornais A República, Diário de Natal/O POTI, O Mossoroense, Revista Spaço, Revista De Fato Nordeste e fundador dos jornais Oeste Independente, Jornal de Mossoró, Jornal Metropolitano, em parceria com Roberto Costa Lima, jornal Página Certa, entre outras publicações; Foi Diretor de Redação do Jornal Gazeta do Oeste por mais de uma década. Escreveu os livros “Adffurn e seu tempo – vitórias e conquistas”, em parceria com o professor Lúcio Ney, e “Contos do Cotidiano”. No rádio, colaborou com as rádios Libertadora e Difusora. Atualmente é Diretor de Redação do Jornal News 360 e Apresentador do programa Jornal da Câmara, na TV Câmara/Mossoró.

Mais em Circulando em Off

Subir