Redes Sociais

REDE NEWS 360

Do Mosquito ao Corinthians, Matheus turbina carreira e é a promessa do futebol do RN

Esportes

Do Mosquito ao Corinthians, Matheus turbina carreira e é a promessa do futebol do RN

Por Rodrigo Ferreira

Região onde o tráfico de drogas atua de maneira intensa, a Comunidade do Mosquito, na zona Oeste de Natal, teve um motivo de grande comemoração nos últimos dias. Aos 19 anos, o jogador de futebol Matheus Matias, nascido em Natal e criado desde a infância no Mosquito, assinou contrato profissional de cinco anos com o Corinthians, um dos maiores clubes do futebol brasileiro e maior vencedor de títulos dos últimos dez anos no país. A ascensão do garoto, que ainda sequer soma um ano como atleta profissional, serve como exemplo para centenas de outros jovens residentes da comunidade.

Matheus atuando pelo time da escola em que estudava, em Natal. (Foto: Wendell Jefferson)

Na infância e adolescência, Matheus teve de conviver com muitos problemas, sobretudo pela falta de dinheiro. Ainda jovem, vivenciou o falecimento do seu pai, algo que culminou no recebimento de uma carga responsabilidade enorme ao ter que sustentar a família. Sem grandes alternativas, recorreu ao esporte para tentar ganhar dinheiro. Utilizando do talento que ostenta para jogar futebol, se “multiplicou” em vários e foi ganhando a vida. Futsal, Beach-Soccer, Fut7… todas estas modalidades serviram para que ele conquistasse, a cada dia, o necessário para sua sobrevivência. O que ele não sabia era que a vida lhe reservava muito mais.

Destaque nas competições de Fut7 disputadas em Natal, Matheus colecionou prêmios de artilharia. Sua última experiência na modalidade foi no ano passado, atuando com a camisa do Real Natal, onde se sagrou vice-campeão da 1ª divisão da Liga Norte-Rio-Grandense de Fut7. Por causa do desempenho nesta competição, Mateus conseguiu uma vaga no ABC, que lhe contratou para reforçar o time Sub-19. Nas bases, fez algumas partidas e marcou gols, até que um jogo-treino contra o time profissional do Alvinegro começou a mudar sua vida. Destaque no teste, subiu aos profissionais e, duas semanas depois, estava jogando a segunda divisão do Campeonato Brasileiro.

Matheus atuando com a camisa do Real Natal pelo Fut7. (Foto: Berg Lisboa)

Matheus foi relacionado pelo então técnico alvinegro Itamar Schülle, em 14 de outubro de 2017. Começou no banco de reservas a partida contra o Boa Esporte-MG, válida pela 29ª rodada da Série B. Naquela partida, disputada na Arena das Dunas, o ABC venceu por 1 a 0, e Matheus entrou no segundo tempo. Em 45 minutos, criou três chances de gols. Por muito pouco não marcou na estreia, embora tenha ajudado a Dalberto garantir o tento daquela vitória. Ali, iniciou uma caminhada curta no ABC, mas que lhe lançou em uma das maiores vitrines do futebol canarinho. Desde então, passou a jogar regularmente no time profissional do Alvinegro, se firmando no onze inicial.

O primeiro gol no chamado “time de cima” foi marcado no dia 28 de outubro do ano passado, pela 32ª rodada do Brasileiro. Em jogo que quase não acontecia (em greve por salários atrasados, os atletas do ABC ameaçaram não entrar em campo), brilhou a estrela do então camisa 19. De cabeça, ajudou a construir a vitória de 3 a 0 sobre o Londrina-PR, entrando de vez no radar do futebol profissional. Depois, contribuiu com algumas boas atuações nas rodadas seguintes e voltou a ajudar com gol na 37ª partida da competição, ao balançar as redes no 2 a 0 diante do Oeste-SP, no Frasqueirão. Os dois gols e as ótimas atuações feitas nos últimos meses de 2017 mudaram, de fato, a vida de Matheus.

Em partida contra o Londrina-PR, Matheus marcou um dos gols na vitória por 3 a 0. (Foto: Andrei Torres / ABC FC)

Com “pinta” de craque, o ano de 2018 se iniciou de maneira inesquecível para Matias. Após um longo período de indefinição na pré-temporada, acabou por assinar contrato de 7 meses com o ABC. Tempo curto, mas suficiente para dar, de vez, o maior salto de sua vida. Titular absoluto no time do técnico Ranielle Ribeiro, precisou de apenas 10 jogos para garantir o futuro do jeito que sonhou. No Campeonato Potiguar e na Copa do Nordeste, anotou 10 gols, começou a ser elogiado pela imprensa do país inteiro e, então, recebeu o convite para sair. Realizado, rumou para o Corinthians, onde dias depois assinou contrato de 5 temporadas com o clube e fechou vínculo de um ano com uma das maiores fornecedoras de material esportivo do planeta.

Agora no Parque São Jorge (como é conhecido o Centro de Treinamento do Corinthians), Matheus tem muitos objetivos. Nos próximos dias, viverá a expectativa de ser inscrito pelo técnico Fábio Carille tanto no Campeonato Paulista quanto na Libertadores, esta última considerada a maior competição entre clubes da América Latina.

Conforme disse em sua apresentação – ainda do jeito tímido perante aos jornalistas que já havia demonstrado em Natal -, a principal meta em sua nova casa será manter o nível de suas atuações, marcando o máximo de gols possíveis. Afinal, fazendo isso, sabe que terá grandes chances de se consolidar no atual elenco do time heptacampeão brasileiro, o que poderá servir, ainda, como grande ponte até a chegada no futebol europeu, sonho de todo e qualquer jogador de futebol profissional.

Matheus recebeu a camisa do Corinthians das mãos do diretor de futebol Duílio Monteiro. (Foto: Fernando Dantas / GazetaPress)

Agora RN
Imagens: Reprodução

Comentários

comentário(s)

Sistema Rede News 360 de Comunicação - Mossoró/RN

Mais em Esportes

Subir