Redes Sociais

REDE NEWS 360

Com fusões, Bolsonaro deve reduzir ministérios de 29 para 15; veja quais

Brasil

Com fusões, Bolsonaro deve reduzir ministérios de 29 para 15; veja quais

A equipe do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) avaliou que as fusões previstas até o momento podem diminuir o número de ministérios de 29 para 15. Uma das novidades é a criação de uma “superpasta” de Economia, que englobará Fazenda, Planejamento e Indústria e Comércio Exterior, a ser comandada por Paulo Guedes.

O deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS) deve chefiar também a união da Casa Civil com a Secretaria de Governo. Em outras medidas controversas, devem ser juntados os ministérios da Agriculta e do Meio Ambiente e também as pastas de Cultura, Educação e Esporte. Os nomes estão sendo definidos pela equipe.

Nesta quarta (31), Bolsonaro anunciou ainda que o astronauta Marcos Pontes chefiará o Ministério da Ciência e Tecnologia, responsável pelo Ensino Superior. A pasta de Justiça, por sua vez, voltará a abrigar a Segurança Pública, como no início do governo de Michel Temer (MDB), e pode ser oferecida ao juiz federal Sérgio Moro.

Veja como deve ser a composição dos ministérios no novo governo:

  1. Casa Civil e Secretaria de Governo (Onyx Lorenzoni)
  2. Economia – fusão de Fazenda, Comércio Exterior e Planejamento e Indústria (Paulo Guedes)
  3. Defesa (General Augusto Heleno)
  4. Ciência e Tecnologia – com Ensino Superior (Marcos Pontes)
  5. Educação, Cultura e Esporte (sem ministro definido)
  6. Agricultura e Meio Ambiente (sem ministro definido)
  7. Trabalho (sem ministro definido)
  8. Minas e Energia (sem ministro definido)
  9. Relações Exteriores (sem ministro definido)
  10. Integração Nacional – deve integrar Cidades e Turismo (sem ministro definido)
  11. Infraestrutura – integrará Transportes (sem ministro definido)
  12. Segurança Institucional (sem ministro definido)
  13. Desenvolvimento Social – junção com Direitos Humanos (sem ministro definido)
  14. Justiça e Segurança (sem ministro definido, oferecido a Moro)
  15. Saúde (sem ministro definido)

*Com informações do Estadão Conteúdo / Foto: Reprodução 

Comentários

comentário(s)

Sistema Rede News 360 de Comunicação - Mossoró/RN

Mais em Brasil

Subir