Redes Sociais

Indicador de estudo da FGV demonstra peso da imprensa no pessimismo

Foto: Reprodução

Brasil

Indicador de estudo da FGV demonstra peso da imprensa no pessimismo

Lançado em 2016, o Índice de Incerteza da Economia (IIE) da FGV é composto pela soma de matérias em sites de jornais e impressos, e previsões de analistas econômicos da pesquisa Focus. Em 2019, o índice teve leve alta de 0,6, mas foi o pessimismo de jornalistas que derrubou o resultado. Enquanto analistas projetam resultados positivos, reduzindo em 1,8 ponto o “componente Expectativa”, jornais foram na direção oposta: 8,8 pontos a mais de incerteza do “componente Mídia”. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Em médias móveis semestrais, a incerteza recuou no fim de 2019 pela terceira vez consecutiva, em 1,1 ponto, para 111,4 pontos. Em dezembro, o IIE registrou alta de 7,3 pontos e voltou a ultrapassar os 110 pontos, chegando a 112,4, segundo a FGV.

Comentários

comentário(s)

RN 360º - Seu portal de notícias.

Mais em Brasil

Subir