terça-feira, março 2, 2021

Sem ação, em duas semanas Brasil viverá cenário de guerra, dizem especialistas

“Vamos ter pessoas morrendo em casa ou morrendo na porta dos hospitais, porque não vamos ter onde interná-las. Vamos ter um cenário de guerra”,...
More

    Últimas Notícias

    Começa o giro da roleta para o pleito de 2022 no RN

    É notável em todo e qualquer movimento ou reunião, seja ela política ou não, o assunto em pauta: o pleito estadual de 2022. E são muitas as especulações e projeções feitas por especialistas. Os noticiários jornalísticos políticos do Estado também falam muito mais nas eleições do ano vindouro do que nas gestões municipais ora em andamento. Mas isto é natural, já que as conjecturas na política são quem faz o jornalismo se colocar em evidência. Nestes meios também temos montagens de chapas, de nominatas para todos os gostos. Bem salutar. É o exercício da democracia a nos permitir coisas assim. E à proporção que a corrida eleitoral se aproxima, as definições acontecem. Me parece, será atípico, haja vista os resultados de 2020 terem mudado muitas peças no tabuleiro. Cito como exemplo Mossoró que há 70 anos a gente ao terminar um pleito já se tinha uma projeção mais abalizada do que seria o próximo. Os candidatos já eram definidos e com as eleições asseguradas. E este ano, não se sabe nem quem serão os candidatos. Apenas especulações. Entendo isto como coisa benéfica, e uma liberdade a mais para que o eleitor possa na verdade fazer as suas escolhas, sem que precise atender a vontade de outros, que almejam desfrutar do que há de melhor. Ganha assim a democracia.

    ADJUNTO DIAS

    Filho do prefeito de Natal, Álvaro Dias, foi nomeado Secretário de Assistência Social. São olhares com vistas às próximas eleições. O chefe do Executivo, já começa a preparar o caminho para ver o filho deputado. No pleito passado até tentou, mas não obteve êxito. Agora é dono do seu mandato. Foi reeleito prefeito da capital com muita facilidade, logo no primeiro turno. Resta saber se Adjunto concorre a federal ou a estadual. A secretaria que ele administra é poderosa.

    PAULO VICTOR

    Fortalezense de naturalidade, mas com família paterna enraizada em Felipe Guerra, na comunidade do Brejo. O pai, Paulo Barra, aposentado, tem residência por lá. O jovem operador do direito, é subsecretário na gestão do prefeito Álvaro Dias e amigo de infância de Adjunto Dias. Paulo Barra, um apaixonado por política deverá ser um dos coordenadores da campanha, na região do Médio e alto Oeste. São conjunturas. É aguardar, pois.

    ROGÉRIO MARINHO

    Anda de mãos dadas com o ministro Fábio Faria. Dizem que é o cuidado para que Rogério não se projete e seja a pessoa realmente do presidente Bolsonaro. Outros meios comentam que os dois estão mapeando o caminho para uma candidatura ao governo do Estado. O certo é que a dupla tem aparecido muito, posando para fotos nos principais atos governamentais, principalmente no RN. Até poucos dias, só se via a candidatura a reeleição, de Fátima Bezerra (PT).

    ROGÉRIO MARINHO II

    É titular do Ministério do Desenvolvimento Regional, uma super pasta e fabricante de votos. Objetiva sim ser candidato se tornando osso duro de roer, para a governadora atual que pensa na reeleição. Ele teria Ezequiel Ferreira como candidato a senador. Já Fábio Faria, ministro das Comunicações, ou seu pai o ex-governador Robinson Faria, alçados à Câmara Federal, com apoio do prefeito de Natal. Uma chapa realmente bem competitiva.

    TIÃO COUTO

    Em conversa com este colunista, o empresário, que já participou de dois pleitos eleitorais, hoje filiado ao PL do deputado federal João Maia, disse que não deixou a política. Está avaliando o momento para ver como participará no futuro em novos embates. Ainda não decidiu se concorrerá a algum cargo, que ainda é cedo para isso. Relembrar que Tiâo foi candidato a prefeito em 2016 e a vice-governador em 2018.

    TIÃO COUTO II

    Mas, mesmo Tião Couto não dizendo que sim nem que não, ao ser indagado sobre uma possível nova candidatura, existe a possibilidade de ele disputar sim um mandato parlamentar em 2022. Tem um desejo de ser candidato a deputado federal, e indo para este certame, “engrossa o caldo” no que se refere a Mossoró, já que a ex-prefeita Rosalba Ciarlini também, junto a seu grupo, dão como certa sua aspiração a uma vaga na Câmara Federal.

    SOLIDARIEDADE

    Agremiação política que cresceu muito no RN, e ainda o faz a cada temporada eleitoral. Trabalhou à régua e compasso, em 2018 para levar Lawrence Amorim à Câmara Federal, mas o efeito Bolsonaro travou essa vontade, com a eleição do general Eliéser Girão (PSL), que foi soprado pelos ventos desta onda e, quando se imaginava e fazia contas pensando em 10 mil votos, se elege com mais de 80 mil.

    PLANEJANDO 2022

    O Solidariedade começa a planejar rumo às eleições de 2022. E com a eleição de Allyson Bezerra em Mossoró e ‘Fernandinho’ em Acari, juntando a força do ex vice-governador Fábio Dantas na região da Grande Natal, o partido fará um deputado federal, ou até dois, dependendo de quem sejam os candidatos. Salientar que a agremiação também tem Lawrence Amorim, vereador e presidente da Câmara Municipal de Mossoró.

    ALLYSON BEZERRA

    Será de fundamental importância no Solidariedade para o próximo pleito. É prefeito da segunda maior cidade do Estado do Rio Grande do Norte, tendo fortes candidatos na disputa em esfera federal, e nomes que serão seus concorrentes, na sua reeleição. Precisa pensar muito em seu candidato a federal, tendo em vista que a ex-prefeita de Mossoró planeja entrar nessa corrida, visando 2024. É notório isto.

    ALLYSON BEZERRA II

    E um candidato à Câmara Federal tendo o apoio do prefeito Allyson Bezerra numa disputa com a ex-prefeita, é como se fosse uma campanha municipal. Observe-se que os palanques ainda não foram desmontados e há os que preferem mantê-los. O jovem mandatário mossoroense precisa mapear isto com muito cuidado para que não renda prejuízo ao seu projeto. Mas pelo que vem mostrando nesse início de gestão, capacidade e destreza é o que não lhe faltam.

    ‘RAIMUNDO PEZÃO’

    Prefeito de Umarizal, na região do Médio Oeste Potiguar e filiado ao Democratas. É filho natural do Apodi, mas fixou residência nesta acolhedora cidade, cuja população outorgou-lhe a responsabilidade de administrá-la. É um político conciliador e sabe tratar bem as pessoas. Enfrentou uma luta onde para muitos seria impossível vencê-la. Mas sempre acreditou nos seus objetivos. A campanha foi crescendo e o resultado final foi a vitória de ‘Pezão’, contra a candidata da outra coligação que se achava imbatível e disputava sua reeleição. ‘Pezão’, logo após o pleito, passou por momentos difíceis. Foi acometido de Covid-19 e chegou a ocupar leito de UTI. Superou mais este obstáculo, sob as bênçãos de Deus e orações de seus munícipes. Já começa a administrar o município, com uma equipe de auxiliares escolhidos a dedo. Em poucos dias de gestão já mostra a que veio, que é trabalhar ouvindo a população. E com seu jeito sereno de ser, conquista a todos cava vez mais. Concorre a ser um dos grandes prefeitos dessa nova geração, cujas gestões iniciaram-se em 1º janeiro de 2021. Daqui a nossa torcida para que faça realmente um grande mandato, coisa que aquela gente muito buscava.

    Últimas Notícias

    Veja Também