sexta-feira, março 5, 2021

Internações por covid sobem 64,7% no Rio Grande do Norte

O número de pacientes internados nas redes pública e privada de saúde no Rio Grande do Norte para o tratamento da covid cresceu 64,78%...
More

    Últimas Notícias

    Palma de forrageira vira alternativa na zona rural de Mossoró

    Cada agricultor cadastrado receberá 900 unidades.

    O Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) selecionou 17 agricultores do município inscritos na distribuição da Palma da Forrageira, conhecida como Orelha de Elefante. Cada agricultor mossoroense receberá 900 raquetes, somando 15,3 mil raquetes da planta. A Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria Municipal de Agricultura, irá auxiliar na logística da distribuição para os agricultores.

    A palma garante produtividade e rentabilidade para o produtor e faz parte da base alimentar dos rebanhos de zonas áridas e semiáridas. Características como alta palatabilidade, produção de biomassa e resistência à seca fazem dessa planta um alimento valioso para os rebanhos desta região.

    A distribuição da Palma Forrageira é um programa de fortalecimento da pecuária do Rio de Grande do Norte. Estão envolvidos a Emater, a Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn) e a Prefeitura Municipal de Mossoró (PMM).

    Últimas Notícias

    Veja Também