terça-feira, novembro 30, 2021

4ª ONDA: Diretora da OMS se monstra preocupada com avanço da COVID-19 e carnaval no Brasil

O mundo está entrando em uma quarta onda da pandemia do novo coronavírus. A avaliação é da diretora-geral adjunta de acesso a medicamentos e...
More

    Últimas Notícias

    Allyson: sem dificuldades na Câmara

    Por William Robson – Interino

    O prefeito Allyson Bezerra não terá qualquer dificuldade na Câmara Municipal. Antes mesmo de tomar posse, já se sabia que o vereador e seu aliado Lawrence Amorim emergia como o principal cotado para assumir a presidência da Casa, o que terminou ocorrendo em consenso com os demais parlamentares. Lawrence é apologista da autonomia da Câmara e, ao mesmo tempo, da boa relação com o Executivo para as causas mais urgentes da cidade.

    Além disso, antes de assumir o mandato, sabia-se que o prefeito teria maioria na Câmara. A surpresa veio na quantidade de parlamentares governistas. Enquanto imaginava-se algo em torno de 15 ou 16, o que se vê atualmente é um agrupamento importante de 18 nomes entre os 23 que compõem a Casa.

    Por fim, o governismo mostrou sua influência na composição das comissões temáticas, praticamente comandando 70% delas, inclusive a mais importante, a de Constituição, Justiça e Redação, a cargo do vereador Raério Cabeção (PSD), forte integrante da base de apoio ao prefeito. Das nove Comissões, seis serão presididas por vereadores que se declararam de situação. A oposição comandará duas e ala dita independente uma.

    A costura deixou a situação de Allyson muito confortável no Legislativo, com uma oposição isolada e fragilizada. Dos nomes que realmente declararam oposição está Francisco Carlos e Larissa Rosado. Marleide Cunha (PT) deverá integrar este grupo, embora ainda não tenha se manifestado publicamente sobre sua posição.

    FUNDO

    O prefeito Allyson Bezerra escolheu os nomes para conduzir o Fundo Municipal de Saúde, Fundo Municipal de Assistência Social e Fundo de Previdência de Mossoró, sendo respectivamente a secretária de Saúde Morgana Dantas, o consultor-geral Humberto Fernandes e o presidente da Previ, Paulo Linhares.

    APOSENTADORIA

    Após anos de dedicação à Educação e ao sindicalismo, o professor e ex-vereador Gilberto Diógenes alcançou a sua merecida aposentadoria por tempo de contribuição. O seu benefício foi publicado esta semana no Jornal Oficial do Município, sendo de pouco mais de R$ 6,2 mil.

    SEDE DA CÂMARA

    O presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Lawrence Amorim (Solidariedade) e a vereadora Larissa Rosado(PSDB) estiveram reunidos com a governadora Fátima Bezerra (PT) para discutir a possibilidade a sessão de um prédio público para o Poder Legislativo mossoroense.

    SEDE DA CÂMARA 2

    Uma das preferências de Lawrence é o prédio onde funcionou o Fórum Desembargador Silveira Martins, na Avenida Rio Branco, pertencente à UERN. Mas, a universidade destinou o edifício para as atividades de prática jurídica e para o curso de Direito. Outro prédio que poderá servir muito bem para o Legislativo é onde funcionava o Colégio Estadual. Tem muito espaço para ocupar gabinetes, plenário e estacionamento. A governadora ficou de avaliar.

    SEDE DA CÂMARA 3

    Hoje, os custos de aluguel da atual sede da Câmara no Centro da cidade é de R$ 38 mil por mês. O prédio foi construído para funcionar um hotel e, por isso, tem pouca funcionalidade para os trabalhos legislativos. A ideia de construir um prédio próprio foi descartada no momento.

    REFORMA

    Um encontro entre secretário municipal Júnior Xavier, o gerente executivo de esportes, Mário Paz, o professor Franklin Soares e o presidente da Associação Atlética SADE, Lucas Negreiros, definiu detalhes sobre a reforma estrutural da quadra de esportes do bairro Santa Delmira.

    CARNAVAL

    Estamos entrando no período de carnaval, mas com muito pouco clima devido à pandemia de Coronavírus. Após a decisão de vários municípios e Estados sobre o procedimento dos órgãos públicos e a fiscalização anti-aglomerações, a Prefeitura de Mossoró emitiu nota nesta quinta-feira (11) suspendendo a realização de eventos de pré-carnaval e carnaval no município promovidas por entes públicos ou privados.

    MINEIRO E A ALMA AO DIABO

    O secretário Fernando Mineiro voltou a se manifestar no Twitter, diante da decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que manteve o mandado na Câmara para Beto Rosado: “Não tem liminar do TSE que consiga derrubar 3 coisas: 1- o conhecimento, por parte de milhares de pessoas, das manobras absurdas desse processo; 2- a solidariedade que tenho recebido de todos os setores da sociedade; 3- a minha decisão de fazer política sem vender a alma ao diabo”, disse.

    VACINAS NO RN

    A conta-gotas, os pequenos repasses de vacinas para o Rio Grande do Norte tem dificultado uma ação mais efetiva na imunização. Apenas 1,83% da população foi vacinada no Estado. O Amapá, para se ter uma comparação, está com 4,1%, índice baixo, mas três vezes maior que no RN.

    PADRE SÁTIRO

    O padre Sátiro Cavalcanti Dantas, que completou recentemente os seus 91 anos, recebeu a vacina contra a Covid-19. Ele foi beneficiado com a decisão da Secretaria de Saúde de Mossoró que orientou os profissionais a vacinarem idosos acima de 90 anos, caso a vacinação dos acamados seja concluída naquela área.

    Últimas Notícias

     


    Veja Também