quarta-feira, abril 14, 2021

Sem lockdown, chegaremos a 5 mil mortes diárias no fim de abril, diz pesquisador da Fiocruz

Coordenador do Observatório Covid-19 da Fiocruz, o professor Carlos Machado é um especialista em grandes desastres na área da saúde. Há mais de 20...
More

    Últimas Notícias

    Prefeito Salomão e vice-prefeito e secretário Ubiracy se reúnem com representantes do agronegócio potiguar e propõem parcerias

    Na pauta, proposição de parcerias público-privadas (PPPs) que venham fomentar o desenvolvimento socioeconômico do município através da alavancagem da agricultura familiar, bem como viabilizar a criação de um consórcio intermunicipal para coleta, destinação correta e exploração econômica do lixo.

    Imagem:Cedida

    O prefeito Salomão Gomes (PL) e o vice-prefeito e secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Eventos do município de Felipe Guerra/RN, Ubiracy Pascoal (DEM), se reuniram na manhã desta quinta-feira (04) com os Srs. Frederico Escóssia e Steverson Medeiros, consultores do Comitê Executivo de Fruticultura do Rio Grande do Norte (Coex), entidade representativa do agronegócio potiguar. A reunião aconteceu na Central da Cidadania, zona urbana do município. Na pauta, proposição de parcerias público-privadas (PPPs) que venham fomentar o desenvolvimento socioeconômico do município através da alavancagem da agricultura familiar, bem como viabilizar a criação de um consórcio intermunicipal para coleta, destinação correta e exploração econômica do lixo.

    De acordo com o vice-prefeito e secretário Ubiracy Pascoal, que se mostra bastante entusiasmado e otimista em relação às ideias do prefeito Salomão, o Governo Municipal de Felipe Guerra busca convencer grandes empresários do agronegócio potiguar a investirem no município. A ideia é o Município doar uma área de terra para a construção de uma unidade de exportação e, em contrapartida, grandes empresas agrícolas fornecerem tecnologia, acompanhamento técnico e garantirem a compra da produção da agricultura familiar do município. Ubiracy defende que a proposta é absolutamente viável, pois além de amplas potencialidades no setor agrícola, o município de Felipe Guerra já possui uma situação de reforma agrária realizada, haja vista que há atualmente mais de 500 pequenas propriedades aptas à produção agrícola.

    “As práticas de produção ecológicas que planejamos e estamos buscando viabilizá-las serão um trunfo nosso para a alavancagem da agricultura familiar e do desenvolvimento socioeconômico do nosso município. Nós temos dialogado com grandes empresários do agronegócio do nosso estado, mostrando para eles que há em Felipe Guerra um ambiente propício para esta parceria entre o agro e os nossos pequenos produtores rurais. Mostrando também que o Município está disposto a ser um grande parceiro das empresas que queiram se instalar em Felipe Guerra. Neste caso, por exemplo, o município pode doar uma área de terra para a construção de uma unidade de exportação, desde que haja das empresas interessadas o compromisso de disponibilização de tecnologia e de acompanhamento técnico, bem como a garantia de compra da nossa produção”, explica Ubiracy.

    Já em relação à coleta do lixo, o vice-prefeito e secretário defende e vem articulando a união de municípios do Médio Oeste para a criação de um consórcio intermunicipal para a coleta e destinação correta do lixo pelos municípios participantes e, em mais uma parceria público-privada, a separação, o processamento e a exportação como forma de exploração econômica do mesmo. Ubiracy defende ainda que Apodi é o município mais indicado para abrigar uma cooperativa com esta finalidade.

    “Nós estamos convencidos de que através de uma parceria público-privada e da criação de um consórcio intermunicipal, não apenas Felipe Guerra, mas todos os municípios oestanos que vierem aderir a esta proposta conseguirão dar uma destinação correta ao seu lixo. O setor privado é o parceiro ideal que estamos precisando e a união dos municípios para a criação de um consórcio é o caminho a ser trilhado. A meu ver, o vizinho município de Apodi é o mais indicado para receber a central receptora e de processamento do lixo da nossa região, que vai virar negócio rentável para a iniciativa privada”, defende Ubiracy.

    Visita

    Após a reunião, o prefeito Salomão, o vice-prefeito e secretário Ubiracy e os representantes do Coex visitaram o projeto piloto de mamão orgânico que vem sendo executado no Sítio Pé de Serra, zona rural do município, pelo empresário Kling Dantas.

    Últimas Notícias

     


    Veja Também