quarta-feira, abril 14, 2021

Sem lockdown, chegaremos a 5 mil mortes diárias no fim de abril, diz pesquisador da Fiocruz

Coordenador do Observatório Covid-19 da Fiocruz, o professor Carlos Machado é um especialista em grandes desastres na área da saúde. Há mais de 20...
More

    Últimas Notícias

    Volume de chuvas no RN em fevereiro fica abaixo da média esperada

    As chuvas que caíram no Rio Grande do Norte durante o mês de fevereiro ficaram abaixo da média esperada, assim como janeiro, segundo a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn). A média registrada por de 68,5mm, enquanto que a esperada era de 92,2mm, representando um déficit de 25,8%.

    De acordo com o órgão, o cenário foi causado pelo esfriamento acima do normal da temperatura das águas superficiais do Oceano Atlântico Sul que contribuiu para manter o vento sudeste acima do normal, na primeira quinzena do mês. “O indicativo de que as chuvas do período chuvoso começariam entre meados de fevereiro e início de março vem se confirmando. Na segunda quinzena do mês, o interior do Estado começou a registrar bons índices pluviométricos, primeiramente na Região do Alto Oeste e posteriormente se espalhando para todas as regiões”, explicou o meteorologista Gilmar Bristot.

    As médias em fevereiro, por região, foram: Central com 92,2mm, Oeste com 85,2mm, Agreste com 56,8mm e Leste com 39,7mm. “As maiores chuvas ocorreram nas regiões do Alto Oeste, Seridó e serra de Santana.

    Observou-se a predominância de chuva acumulada entre 20mm a 50mm em grande parte do Agreste e no Leste, enquanto que no restante do Estado predominaram chuva acima de 50mm e com grandes áreas do Seridó, Serra de Santana e Alto Oeste com valores acumulados acima de 100mm”, disse o Chefe da Unidade, o meteorologista, Gilmar Bristot.

    Os maiores volumes de chuva por região

    Na Região Oeste

    Major Sales (193,5mm);

    Cel. João Pessoa (181,9mm);

    Tenente Ananias (178,3mm) e

    Mossoró (101,8mm).

    Na Região Central:

    Carnaúba dos Dantas (199,9mm);

    Timbaúba dos Batistas (181,0mm);

    Florânea (173,1mm);

    Parelhas (155,9mm).

    Caicó (57,2mm).

    Região Agreste Potiguar:

    Monte Alegre (134,0mm);

    Lagoa de Pedras (121,4mm)

    São Tomé (90,0mm).

    Mesorregião Leste

    São Gonçalo do Amarante (85,0mm);

    Montanhas (84,5mm) e

    Espírito Santo (57,8mm).

    Para o período de março a maio deste ano, a previsão é de volumes de 533,8mm no Leste; 479,2 mm no Oeste; 376,9mm, na região Central; 342,2 mm no Agreste.

    Tribuna do Norte

    Últimas Notícias

     


    Veja Também