terça-feira, outubro 26, 2021

Brasil terá terceira onda de Covid no inverno e 751 mil mortos até setembro se não acelerar vacinação, diz estudo

O Brasil registrou queda de 19% na média móvel de mortes por Covid-19 nas duas últimas semanas. Em 18 das 27 unidades de federação,...
More

    Últimas Notícias

    Deputado estadual José Dias avalia governo Fátima como péssimo é diz que “o povo não vai cair duas vezes em conto do vigário”

    Em entrevista ao site Agora RN, o deputado estadual José Dias avaliou como péssima a gestão da governadora Fátima Bezerra, reconheceu o favoritismo da petista para as eleições de 2022, mas defendeu que “o povo não vai cair duas vezes em conto do vigário”. O parlamentar também externou insatisfação com o o seu partido, o PSDB, deixando a entender que pode deixar a sigla. Confira:

    Agora RN – Como o senhor analisa esses 2 anos e meio da gestão Fátima Bezerra?

    José Dias – Como já disse repetidas vezes – e, infelizmente, ainda não encontrei motivos para mudar de opinião – a gestão da governadora Fátima Bezerra pode ser resumida, sem exagero, num só adjetivo: péssima. A gestão é péssima, o governo é péssimo, e acredito que há uma causa estranha, que poderia até ser atribuída a uma “genética política”, caso existisse tal condição na ciência: o DNA do partido da governadora foi corrompido ao tentar colocar em prática seus ideais fantasiosos de outrora. O PT já se mostrou incapaz de bem gerenciar o que é do povo, a não ser pelo proselitismo político, pela mera politicagem.

    Agora RN – O senhor faz parte dos políticos que entendem que a candidata Fátima Bezerra é imbatível na eleição para o governo do estado, no próximo ano?

    José Dias – Não me permito, no alto dos meus nove mandatos como deputado estadual, os delírios de viver num estado desconectado da realidade. Por outro lado, a minha larga experiência ao menos me garante o benefício de acreditar que os eleitores norte-rio-grandenses, tal como os raios na natureza, não cairão no mesmo conto-do-vigário duas vezes seguidas.

    Agora RN – O senhor consegue enxergar um nome com densidade eleitoral que enfrente o favoritismo de hoje da petista Fátima Bezerra?

    José Dias – Faltando mais de um ano para o pleito eleitoral, prefiro não me arriscar em apostas que, no momento, não fazem sentido algum, a não ser para quem pretende se reeleger na falta de um trabalho consistente a apresentar no tempo que falta para o fim do mandato.

    Agora RN – Deputado, em determinado momento o senhor se disse incomodado com algumas atitudes de seu partido, o PSDB. O senhor continua incomodado, pretende deixar o PSDB? Qual o futuro político do deputado José Dias?

    José Dias – Realmente, o PSDB não tem correspondido às minhas crenças políticas e é possível, sim, uma mudança, bem como uma permanência. Digamos que estou, não em cima do muro que nunca foi o meu lugar, mas na iminência de pular para um lado ou permanecer onde estou, desde que atendidas algumas condições com a minha história. Quanto ao futuro político, a resposta é: tal como o poeta, vou aonde o povo do meu estado estiver precisando do meu trabalho.

    Últimas Notícias

     


    Veja Também