terça-feira, outubro 26, 2021

Brasil terá terceira onda de Covid no inverno e 751 mil mortos até setembro se não acelerar vacinação, diz estudo

O Brasil registrou queda de 19% na média móvel de mortes por Covid-19 nas duas últimas semanas. Em 18 das 27 unidades de federação,...
More

    Últimas Notícias

    Canteiro da avenida Centenária recebe 150 mudas frutíferas no Dia Mundial da Árvore

    Ação realizada nesta terça-feira, 21, pela Secretaria Municipal de Agricultura e Desenvolvimento Rural (SEADRU), em parceria com a Secretaria Municipal de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos (SEIMURB), plantou 150 mudas frutíferas no canteiro central da avenida Centenária, no bairro Aeroporto.

    O plantio é em comemoração ao Dia Mundial da Árvore, comemorado no dia 21 de setembro. Todas as mudas plantadas no local são oriundas do Centro de Distribuição de Mudas do Horto Florestal de Mossoró.

    “Todas as mudas plantadas hoje aqui nesse canteiro são do Horto Florestal. Nós do Centro de Produção de Mudas estamos com esse trabalho. As mudas que estamos produzindo estão sendo plantadas e doadas à cidade de Mossoró. Nós fazemos esse trabalho para que a população tome ciência do quão importante é a questão da preservação das árvores na nossa cidade”, destacou a diretora do Horto Florestal, Ocimara Oliveira.

    Chefe de Divisão de Engenharia de Parques e Jardins da SEIMURB, Natalya Medeiros disse que foram plantadas no canteiro central diversas espécies frutíferas. “Plantamos hoje aqui em torno de 150 mudas, entre elas mangueira, tamarindo, cajarana, goiabeira, acerola e pinha. A gente reforça a importância da arborização nos canteiros de Mossoró nesse Dia Mundial da Árvore”.

    “Nós escolhemos esse espaço porque ele é amplo e onde podemos plantar mais árvores de grande porte, até por conta de fiação. Estamos fazendo um levantamento para outras áreas da cidade. Esse é o espaço ideal para começar”, completou Natalya.

    Grande parte das mudas plantadas nesta ação leva a técnica do hidrogel. Gerente executivo da SEADRU, Raniere Barbosa explicou o uso da técnica. Ela tem a técnica de armazenar água.

    “Nós temos um problema na região do semiárido que é a evapotranspiração. Hoje aqui estamos utilizando uma técnica chamada hidrogel em algumas mudas que estão sendo plantadas. Ela tem a função de armazenar água e disponibilizá-la aos poucos de forma que vai se beneficiar e possa fazer seu enraizamento; ela vai crescer e se desenvolver”, falou Raniere que citou a economia gerada pelo hidrogel.

    “Nós vamos ter uma economia em torno de 50 a 70% de água. O hidrogel, além de aprisionar a água, libera aos poucos para o sistema radicular da planta. A planta vai se desenvolver com a aplicação do hidrogel”, continuou.

    Fotos: Wilson Moreno

    Últimas Notícias

     


    Veja Também